quarta-feira, 27 de abril de 2011

Você chora como ...

se sua dor fosse sair junto com as lágrimas. Mais não sai. Você pensa que nunca vai esquecer, e
esquece. Você pensa que essa dor nunca vai passar, mas passa. Você pensa que tudo é eterno, mas não é.

                                                                                       

    

Nenhum comentário:

Postar um comentário